Arquivo da tag: João José da Silva

Poeta João José da Silva – Síntese biográfica

João José da Silva (24/06/1922 – 1997)

João José da Silva nasceu na cidade de Vitória de Santo Antão em 24 de junho de 1922. Filho de agricultores, ainda criança, a sua verve de poeta aflorou. No entanto, devido às minguadas posses dos seus genitores, teve que abandonar os estudos para só retornar na meia idade através dos próprios esforços. Nessa ocasião é que mostra a sua influência na literatura de cordel no que diz respeito à sua capacidade de  compor e editar.

O blog acordacordel descreve sua vocação infantojuvenil. “Aos 10 anos de idade já improvisava versos para seus amigos e conhecidos… em 1947 se tornou profissional da poesia, escrevendo então seu primeiro livro em versos, O macaco misterioso”.

Sua vida de poeta foi marcada pela produção de mais de 164 peças, dentre elas as mais procuradas são “O macaco misterioso” e “A fera de Petrolina”.

Durante o tempo que viveu em Recife /PE, aliou a chefia da família com o trabalho na área de literatura de cordel na tipografia de Luzeiro do Norte, editora que também publicou seus folhetos “A condessa Rosa Negra, A fera de Petrolina e O caçador sertanejo”. Ali se manteve até o início dos anos 1970.

 A fera de Petrolina

 

 Há certos anos atrás

Na cidade Petrolina

Existia um desordeiro

De uma força tão ferina

De ninguém poder topar

Sua munheca assassina.

 

Eram um sujeito gigante

De uma grossura estupenda

Tinha força em cada braço

De parar uma moenda,

Brigava todos os dias

Lá na porta  de uma venda

Faleceu em 1997 na cidade onde viveu a maior parte de sua vida, para ampliar, publicar sua obra e criar os seus filhos: Recife.

FONTES CONSULTADAS

CORDEL atemporal.  Dicionário básico de autores de cordel. [S.l.: s.n.: 20?]. Disponível em: <http://marcohaurelio.blogspot. com.br/2011/06/dicionario-basico-de-autores-de-cordel.html>. Acesso em: 22 out. 2014.

RECANTO das letras. Grandes autores da Literatura de Cordel. [S.l.: s.n.: 20?]. Disponível em: <http://www.recantodasletras.com.br/cordel/1482607>. Acesso em: 22 out. 2014.

A FERA de Petrolina. [S.l.]: Editora Luzeiro, [20?]. Disponível em: <http://www.editoraluzeiro.com.br/cordeis/96-a-fera-de-petrolina-luzeiro.html>. Acesso em: 22 out. 2014.

PERFIS biográficos. [S.l.]: Editora Luzeiro, [20?]. Disponível em: <http://www.casaruibarbosa.gov.br/cordel/janela_perfis. html>. Acesso em: 22 out. 2014.

MESTRES do cordel João José. [S.l.]: Editora Luzeiro, [20?]. Disponível em: <http://acordacordel.blogspot.com.br/2013/08 /mestres-do-cordel-joao-jose.html>. Acesso em: 22 out. 2014.

 

Poeta João José da Silva – Produção Literária

A bisneta de Vira-mundo e as presepadas de Cava-mundo

A bruxa do pé do monte

A condessa Rosa Negra

A deusa da ilusão

A deusa do Maranhão

A eleição do Diabo e a posse de Lampião no inferno

A escrava Isaura

A espada vingadora

A fada dos sete mares

A fera de Petrolina

A fera invisível

A fera invisível ou o triste fim de uma trapezista que sofria do pulmão

A filha do operário

A filha do pecado

A glória de uma espada

A guerra de um malfeitor contra São Pedro no céu

A jura de dois irmãos

A malassombrada peleja de Francisco Sales com o Negro Visão

A mendiga da estrada e os milagres do Padre Cícero

A pombinha encantada do reino do mundo além

A princesa encarcerada do reino da Esperança

A princesa Florisbela e as três noites de amor

A princesa Geni e o Reino Monte de Ouro

A professora Maria

A prostituta Maria

A queda do egoismo e os laços do amor

A renúncia de Belmondo o cangaceiro da furna

A selvagem peregrina

A travanca do Sertão

A valentia de um Padre em honra da Santa Sé

A vingança de um sertanejo no Engenho de Pirapama

A virgem sentenciada

A vitoria do Principe Roldão no Reino do Pensamento

A volta de Zé Matraca o valentão de Palmares

Ariano Suassuna – 60 anos de vida encantada

Arrebenta mundo

As aventuras de Luis e Lúcia luíz Gomes Lumerque

As bravuras de João José da Silva

As glórias de um fazendeiro

As loucuras de um sertanejo

As perguntas do rei e as respostas de Camões

As presepadas de Cava-mundo

As presepadas de um difunto pobre

Bate-Mundo

Branca de Neve e os sete anões

Carta da viúva aidética sobre o fim do mundo

Cava-mundo

Chico Vira-Mundo

Creuza e Genesiano

Deusa da floresta

Discussão de João Formiga com Francisco Parafuso

É povo no centro

Fura-mundo

Gonçalinho vira-mundo

História de Aureliano e Doralice

História de Genival e Belinha

Historia de João Moleque e a Princesa Lindalva

História de Josina A menina perdida

História de Linda-Luz e o caçador sertanejo

História de Zé Mendonça e Sertanejo Valente

História do bom pai e o mau filho

História do macaco misterioso

Iracema de Asa Branca, a princesa do sertão

Jarbas Maranhão a glória de Pernambuco

Jerônimo o grande herói do sertão

Joana D’arc

Julita e Galdino

Lasca-Mundo

Maria, um peixe, um dragão e a rainha das abelhas

Miguel e Cristina (vítimas da ingratidão)

Minha visita a Netuno

O bandoleiro do povo

O barco misterioso ou A visão Betânia

O bradão de Piancó

O cabra Zé Quixabeira

O caçador sertanejo

O cangaceiro (baseado na vida de Lampião)

O cangaceiro do Monte

O cangaceiro do Norte

O cangaceiro do Prado

O cangaceiro do Sertão

O cangaceiro perdido no Vale do Pajeú

O cangaceiro Romão

O cântico da sereia na Ilha dos Passarinhos

O carrilhão do castelo

O castelo do diabo

O cavaleiro das flores

O coelhinho encantado

O coronel Mangagá e o Seringueiro do Norte

O crime da meia-noite

O destino de duas vidas

O dragão dos Sete Mares

O ébrio

O encontro de dois errados

O encontro de duas feras

O encontro de Lampião com “Lampião”

O encontro de Lampião, com “um falso Lampião”

O encontro e a discussão do milho com o café

O fazendeiro orgulhoso ou O estouro da boiada

O fazendeiro Raimundo e a sofredora Maria

O feiticeiro do Monte

O filho da floresta negra

O filho da lavandeira

O gigante devorador

O homem do além

O jagunço do sertão

O macaco misterioso

O menino dos bodinhos e a princesa Interesseira

O pai que honrou sua filha nas conseqüências mais fortes

O principe que trouxe a sina de morrer enforcado

O rei orgulhoso na hora da refeição

O rico invejoso e o pobre corcunda

O romance de João Bêsta com a Jia da Lagoa

O terror da escravidão

O terror dos sertanejos

O tesouro do pirata na Ilha Recanto Além

O valente Corta-Mundo

O vaqueiro nordestino

O verdadeiro romance do heroi João de Calais

Orangotango, o irmão do cangaceiro do Norte

Os amores de uma orfã

Os escravos do Barão

Os martírios de uma cega

Os sofrimentos de Aurelina ou a serpente misteriosa

Os sofrimentos de Aurora

Palavras do Padre Cícero sobre a Guerra Nucleal

Peleja de Egidio Lima com Clidenor Varela sobre a escrita sagrada

Peleja de Severino Borges com a Negra Furacão

Peleja de Severino Borges com Patativa do Norte

Revelações de um poeta sobre uma mulher feliz

Rogaciano e Angelita

Romance de João Cambadinho e a Princeza do Reino de Mira-mar

Zé Matraca, o valentão de Palmares