Poetisa Antônia Albuquerque – Síntese biográfica

Cordelista paraibana, Antônia Albuquerque é natural de Araçagi (PB). Poetisa de alma nordestina e artista das letras que ama ler e escrever, habilidade desenvolvida pelas leituras que permitem viagens por meio dos sonhos e da imaginação (ALBUQUERQUE, [2013?]).

Casada, mãe de três filhas, descendente de agricultores, frequentemente retorna às raízes por considerar essencial voltar de onde começou, reviver o seio e o ambiente familiares, checar memórias, marcar encontro consigo mesma. Passeio de volta de quem deixou a cidade natal para residir em outro Estado, Rio de Janeiro. O que pensa do itinerário ao passado? “Para mim são os dias mais felizes da vida, por estar tão pertinho das pessoas que me fazem tão bem.” (ALBUQUERQUE, [2013?]).

Seo gosto musical diz muito da pessoa, podemos afirmar que Antônia é romântica,pois gosta de músicas com letras que falem de amor. Tudo o que é natural aemociona, por isso adora passear e curtir a natureza, “[…] ir à praia à noite,ver a lua, as estrelas. Sou totalmente apaixonada por esse lazer, me transmitepaz, me traz inspiração, acalma a alma, acalenta meu coração” (ALBUQUERQUE,[2013?]).Seu cordel Alma nordestina resulta do amor àsorigens e ressignifica memórias, matéria-prima da sua identidade.

Alma nordestina
 
Para iniciar, sou cabra da peste
Que só quer um dedo de prosa,
Que falará de uma nação valente
Que encontrei em meu nordeste
Terra amada,sofrida e formosa
Com muitos talentos e brava gente ...
 
Terra de gibão e chapéu de couro,
Peixeira, jerimum e vaquejada,
Carne de sol,buchada e pamonha,
Mas que sempre supriu de ouro
O resto do Brasil,terra tão amada,
sem jamais semostrar tristonha.
 
Manteiga de garrafa, frango a cabidela,
Sarapatel, milho cozido e cocada,
Pé de moleque, cuscuz e arroz doce,
Compõem a festa junina quando amarela
A vegetação desta terra tão amada,
Água dividida por eles como se de todos fosse.
 
Que se esquece desta vida injusta e ferina,
Cumprindo as tradições de seus ancestrais,
Se lança homenagear todos os santos,
Vestindo-se de laços e fitas para as festas juninas,
Esquecendo-se de suas lamúrias e de seus ais,
Bailando felizes por todos os recantos ...
 
Como olvidar da buchada de bode, da macaxeira,
Da paçoca de carne,do queijo e do baião de dois,
Do beiju e da tapioca que hoje integram o país,
Lembrando que somos brasileiros sem fronteiras,
Todos à espera do amanhã que virá depois,
Provando que brotamos de uma única raiz.
 
Sua história a todos em muito encanta
Em cada canto,quando lhe cantam
No peito de cada singela, como esta, criação
Quando borbulha em minhas veias a admiração
Por suas terras,mesmo secas e rachadas,
Mas cheias de esperança dessa gente arretada.
 
Hoje, comigo,carrego no fundo de meu peito,
Por ela, tão boas e saudosas lembranças
Deste mundo encantado, repleto de poesia,
Vivido ao seu lado e com profundo respeito,
Canto as aventuras vividas em criança,
Registrando em versos esta singela alegria.
 
Tenho alma nordestina, também sou cabra da peste,
Filha de agricultores que lavraram a terra
E mesmo morando distante, em outro estado,
Cultivo minha raiz com brio e tenho amado
Este meu recanto eque ninguém conteste,
Tenho imenso orgulho de ser do nordeste.
 
(Antônia Albuquerque, 2015)

FONTES CONSULTADAS

ALBUQUERQUE,Antonia. Alma nordestina. [S. l. : s. n.]. In: Recantos das letras. 10 out. 2015. Disponível em: <http://www.recantodasletras.com.br/cordel>.Acesso em: 10 ago. 2017.

ALBUQUERQUE,Antonia. Perfil. [S.l. : s.n.] In: Recantodas letras. [2013?]. Disponível em:<http://www.recantodasletras.com.br>. Acesso em: 10ago. 2017.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s