Poeta Galdino Silva – Síntese biográfica

O cordelista e embolador Galdino Silva nasceu na cidade de Salvador no estado da Bahia, em 1878, onde viveu até o seu falecimento em 1958, aos 80 anos (LITERATURA…, 1986). Utilizando recurso estilístico de linguagem comum ao cordel, o apóstrofe, para invocar um interlocutor, Galdino Silva fazia seus poemas, a exemplo do cordel intitulado:

A Mulher que Pediu um Filho ao Diabo
 
Leitores eu vou contar
Uma história verdadeira
De uma infeliz mulher
Que um dia fez uma asneira
Pediu um filho ao Diabo
E o filho nasceu de rabo
E mordeu a mão da parteira.
 
Esta mulher se chamava
Felismina do Orobó
Casada com Chico Inaço
No sertão do Chorrochó
Ela vivia zangada,
Pois tanto tempo casada
Nunca teve um filho só.
 
Quem pede a Deus e tem fé
Será dado, tarde ou cedo
Quem pede a Deus há de ter
Quem tem fé move rochedo
E quem pede a Satanás
Só tem de cair pra trás
Pois tudo dele faz medo.
[…]
(LITERATURA…, 1986, p. 266)

FONTE CONSULTADA

LITERATURA popular em verso: antologia. Belo Horizonte: Itatiaia; São Paulo: Ed. Universidade de São Paulo; Rio de Janeiro: Fundação Casa de Rui Barbosa, 1986. Coleção reconquiste o Brasil. Nova série; v. 95.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s